• Mariana Cartibani

Minimalismo em ambientes de saúde não ajuda pacientes nem profissionais de saúde


Minimalismo é o princípio de reduzir, no caso dos ambientes, reduzir elementos aos estritamente essenciais.


E por que não dá certo?


Somos moldados pelo ambiente social e físico em que vivemos, com nossos genes evoluindo ao longo da nossa existência, e como durante a maior parte da nossa história, a relação com a natureza e as formas orgânicas é muito forte, os ambientes muito tecnológicos, monocromáticos ou minimalistas quebram essa relação que já está em nossos genes, podendo gerar stress nos usuários e atrapalhar o funcionamento fisiológico.


E isso se aplica a todos os ambientes de saúde? Não, para áreas onde a atividade é temporária, para o profissional e para o paciente, e não é desejável ter nenhuma distração, como salas cirúrgicas, é possível, e até desejável ter ambientes minimalistas e, na medida do possível, tecnológicos.


#arquiteturahospitalar

#projetoclinica

#projetoconsultorio

#projetohospitalar

#arqsaude

#arquiteturaparasaude

0 visualização

Todos os projetos são de autoria e propriedade intelectual de Mariana Cartibani, sua reprodução é proibida.